NAVEGUE AQUI

terça-feira, 16 de novembro de 2010

História de Pescador I



Joel, Sergio e Amilton e eu, estávamos a pescar. Decidi estrear uma isca de profundidade e senti uma fisgada daquela de alegrar qualquer pescador. Porém, eu havia amarrado mal a isca e meu precioso peixe foi-se embora levando um peso significativo, preso a sua queixada.
Amilton, um dos parceiros de barco, disse: com esse peso, o peixe vai ficar estressado e logo virá à superfície para livrar-se da isca. Ali mesmo no barco, em uma cerimônia de dar inveja a qualquer festa de colação, nós lhe conferimos o grau de “peixecólogo”. Para nossa surpresa, dentro de minutos, o peixe se debatia na superfície, tentando livrar-se do “pircing”. Sorrateiramente, levamos o barco e o apanhamos com o puçá. Claro, tudo terminou com muita risada. Acredite, isso é um fato.
Claro que você está colocando em dúvida a minha história, por mais que eu insista em sua veracidade, mas a bíblia tem pelo menos três histórias de pescador: A pesca na qual Pedro fez sua rendição completa: Jesus foi promovido de Mestre para Senhor. (Lc 5). Outra é quando Pedro vai ao mar para buscar um peixe específico que estava com uma moeda na boca, dinheiro exato para pagar o imposto dele e de Jesus e, finalmente, a pesca de João 21, na qual Jesus faz a restauração de Pedro.
Curioso é que em todas elas existe uma íntima relação entre Jesus e o mais experiente dos pescadores: Pedro.
Na primeira, Jesus quebra os paradigmas, provando a Pedro que quando sua Palavra é pronunciada a ordem natural das coisas pode ser mudada. Todas as regras da pescaria foram quebradas. Isto é milagre. Deus estava revelando a Pedro o seu Poder e ele não mudou, ouça o que Jesus está falando e milagres podem acontecer.
Na segunda, além da lição de cidadania, Jesus ensina a Pedro que até os peixes não escapam a sua onisciência e que o mesmo Deus que deu ordem ao grande peixe para Jonas, conduz um pequeno peixe “caixa forte”. Ele faz que “todas as coisas contribuam para o bem daqueles que amam a Deus”.
Na terceira, a história de pescador é para restaurar Pedro de seu fracasso, por negar qualquer relacionamento com Jesus. Mais uma pescaria fracassada, até Jesus se manifestar. Fique atento aos fracassos e decepções, eles são oportunidades para você vir novamente ao encontro de Jesus.
Quem sabe em suas idas e vindas pela vida, você mordeu “uma isca pesada”,   tem vivido o “stress” de não poder nadar livremente  e por onde você vai nos mares da vida; um peso te puxa para a depressão, angústia, culpa e desespero. Faça como aquele tucunaré que reuniu forças e veio à superfície para que, saltando, se livrasse do peso. Com certeza, Jesus virá a você e com uma rede de amor e amigos, devolverá a sua liberdade. Salte para os braços dele.
Eu não sei quantas “histórias de pescador” você ainda vai ter que ouvir para que creia que Jesus continua operando milagres nos dias de hoje, portanto, continuarei contando as minhas até que você possa experimentar as suas.
Walter da Mata
COMPARTILHE:

9 comentários:

  1. Valeu! Deus na verdade fala de maneira diversas e nós só temos é que ouvir e esperar que o melhor está por vir.

    ResponderExcluir
  2. Me senti tocado pela mensagem. Jesus, abra meus olhos pra que eu enxergue os Teus milagres.

    ResponderExcluir
  3. Maravilhoso texto.
    Que Deus continue te inspirando, meu amigo.
    Kalley (seu calo)

    ResponderExcluir
  4. Como eu estava precisando dessa palavra!!!Toda glória seja dada ao nosso Deus.Deus zeloso Ele é. Que Deus continue te usando.

    ResponderExcluir
  5. Querido Pastor,

    Fico feliz com mensagens edificantes como esta que nos dá clareza em relação a Palavra de Deus.
    Que Deus o abençoe.

    ResponderExcluir
  6. Querido Pastor,

    Eu acredito em histórias de pescador, com H, pois sou pescador daqueles que gosta de boas histórias e prosas sentado a beira da fogueira comendo bom churrasco. Realmente o maior pescador de todos é JC que conhece a isca certa para cada tipo de peixe. Parabéns pela bela mensagem e continue usando a internet para falar do amor de Deus. Sugiro que escreva Historias de Pescador II com o seguinte tema "Peixes fora d'agua". Crentes perdidos dentro da igreja.

    Forte abraço
    Edercio Júnior

    ResponderExcluir
  7. O Deus que conhecia exatamente o que estava entalado na goela daquele peixe no mar da Galiléia, sabe aquilo que fica atravessado em nossos corações e está sempre pronto a nos livrar dessas enrrascadas em que nos metemos na vida. Obrigado pai Walter pelo privilégio de várias pescarias e por ser um excelente pescador nas mãos do Pai, ajudando a desentalar a muitos.

    ResponderExcluir
  8. Meu pastor...
    Não tenho palavras pra expressar o que estou sentindo nesse momento sentada aqui, digerindo essa palavra. Como é precioso e gratificante ser sua ovelha, ou seu peixe ?
    Que o Senhor continue o usando como instrumento pra desentalar meu coração .
    Forte abraço
    Elaine Bilac

    ResponderExcluir
  9. Amado,
    Estava aqui meditando nesta edificante palavra e comentários.E me ocorreu que é melhor ser ovelha do que peixe, inclusive por que ovelha pesca e aprende com o mestre essas sutilezas na hora da pesca!Interessante salientar a metamorfose que ocorre...você é peixe vem uma ovelhinha esperta, cheia da unção, te lança uma "boa isca" e...você vira ovelha, não uma ovelha qualquer, mas uma pescadora ovelha do pastoreio do Senhor!
    Muito bom!
    Abraço Gugalmeida (Carlos&Vilma)

    ResponderExcluir